sábado, 25 de julho de 2009

Novos livros sobre Autismo

De férias da faculdade tenho ocupado minhas noites brincando com meus filhos e estudando mais sobre autismo, recentemente adquiri alguns livros que estão me ajudando bastante no entendimento do autismo e facilitando a minha interação com Peu.

Estes livros não são encontrados em livrarias, para maiores informações basta clicar nos links abaixo.

Brincar para Crescer
Autores: Tali Berman e Abby Rappaport

O livro Brincar para Crescer contém 201 exemplos de atividades projetadas para ajudar crianças especiais a desenvolver habilidades sociais fundamentais.

As atividades estão divididas de acordo com os 5 estágios do desenvolvimento descritos no Modelo de Desenvolvimento do Programa Son-Rise®, e cada atividade foi projetada para trabalhar uma habilidade específica dentro de um determinado estágio.

Brincar para Crescer é um ótimo companheiro para pais e profissionais ligados a crianças de todo o espectro do autismo. O livro auxilia pais e profissionais a promover o desenvolvimento de habilidades de suas crianças enquanto estas se divertem brincando em motivadoras atividades interativas.

Mais informações: Inspirados pelo Autismo



O Autismo sob o olhar da Terapia Ocupacional
Autor: Ariela Goldstein

Muitas são as abordagens que podem guiar o trabalho do terapeuta ocupacional e são elas que definem seu raciocínio clínico e suas ações com o cliente. A abordagem que utilizamos neste guia é a da Integração Sensorial.

A Integração Sensorial é a habilidade do sistema nervoso central de absorver, processar e organizar respostas adequadas às informações trazidas pelos sentidos; é "um processo neurológico que organiza as sensações do próprio corpo e do ambiente, de forma a ser possível o uso eficiente do corpo no ambiente."

Com a abordagem de Integração Sensorial em mente e o conceito de Terapia Ocupacional formado, construímos este guia de orientação para pais de autistas, pois os consideramos parceiros neste trabalho.

Os pais são as pessoas ideais para nos dizer sobre como é o dia-a-dia de seu filho, seu comportamento, do que gostam ou do que não gostam. Auxiliá-los a conhecer e entender alguns comportamentos diferentes observados pode ajudá-los a lidar com as dificuldades nas situações do dia-a-dia.

Este guia nos ajuda a ter uma visão diferenciada do comportamento do autista, à partir do momento em que passamos a conhecer e perceber melhor o mundo dos sentidos.

Mais informações: Terapia Ocupacional Pediátrica

Um comentário:

  1. meu sobrinho tem autismo leve.tem ficsaçao por lampada,vive jogando as coisas pra cima

    ResponderExcluir