quinta-feira, 10 de julho de 2008

O Programa Son-Rise

O Programa Son-Rise apresenta uma abordagem altamente inovadora e dinâmica ao tratamento do autismo e outras dificuldades de desenvolvimento similares. O Programa Son-Rise não é um conjunto de técnicas e estratégias a serem utilizadas com uma criança. É um estilo de se interagir, uma maneira de se relacionar com uma criança que inspira a participação espontânea em relacionamentos sociais. Os pais aprendem a interagir de forma prazerosa, divertida e entusiasmada com a criança, encorajando então altos níveis de desenvolvimento social, emocional e cognitivo. O Programa Son-Rise baseia-se na experiência com crianças com autismo que são capazes de alcançar elevados níveis de progresso quando abordadas de uma maneira em que a relação entre pessoas é valorizada.

Psicólogos e especialistas em desenvolvimento infantil têm apontado há décadas que crianças que possuem um desenvolvimento típico aprendem melhor através de experiências interativas e emocionalmente prazerosas com outras pessoas. Nestas interações, a criança é um participante
ativo ao invés de um recipiente passivo de informação. Nos últimos dez anos, os pesquisadores têm percebido que o mesmo vale para crianças com autismo e dificuldades similares. As novas perspectivas e pesquisas em relação ao autismo estão começando a perceber recentemente aquilo que o Programa Son-Rise já vem praticando há anos. Este programa tem sido utilizado internacionalmente por mais de 30 anos com crianças representantes de todo o Espectro do Autismo e dos Transtornos Globais do Desenvolvimento.

O Programa Son-Rise oferece uma abordagem prática e abrangente para inspirar as crianças a participarem ativamente em interações divertidas e prazerosas com os pais, outros adultos e crianças. O corpo de experiência do Programa Son-Rise demonstra que quando uma criança com autismo passa a participar deste tipo de experiência interativa, ela torna-se aberta, receptiva e motivada para aprender novas habilidades e informações. Há crianças que fizeram notáveis progressos ao participar de Programas Son-Rise, algumas delas recuperando-se completamente e “abandonando” seus anteriores diagnósticos.

O Programa Son-Rise propõe a implementação de um programa dirigido pelos pais no domicílio da criança partindo da compreensão de que a participação da criança em interações dinâmicas, envolventes e estimulantes é fator chave para o tratamento e recuperação do autismo. O papel dos pais é essencial para o processo de tratamento.

Nenhuma criança se desenvolve em ambiente inerte. Todas as crianças desenvolvem-se dentro do contexto familiar e social em que estão inseridas. O Programa Son-Rise ajuda os pais a construírem um ambiente social otimizado que estimule uma profunda ligação emocional com sua criança.
Primeiramente, os pais aprendem a construir interações estimulantes e participativas com sua criança. Devido às diferenças neurológicas apresentadas por uma criança com autismo, os pais aprendem um novo estilo de interação que difere de como eles se relacionam com crianças de desenvolvimento típico. Durante todo este processo, o crescimento emocional dos pais é enfatizado. Orientação atitudinal é oferecida para os pais para ajudá-los a trabalhar quaisquer crenças limitantes ou sentimentos negativos em relação a eles mesmos, à criança ou ao diagnóstico da criança. Instruções práticas são oferecidas para auxiliar os pais na criação de uma nova perspectiva que os habilite para que se relacionem com a criança a partir de um profundo sentimento de apreciação e alegria.

Como um segundo passo, os pais aprendem a construir experiências interativas estimulantes que convidam sua criança a desenvolver-se socialmente dentro de um currículo claramente definido. O Programa Son-Rise não adota técnicas como “Discrete Trial Training” ou técnicas de repetição de informações. Toda a aprendizagem acontece no contexto de uma interação divertida, amorosa e espontânea que inspira tanto pais como criança. Pais que utilizam o Programa Son-Rise relatam não somente um progresso magnífico no desenvolvimento da criança, mas também uma melhora dramática em seu próprio bem-estar emocional. Isto causa grande impacto em suas interações com a criança com autismo, repercutindo também em muitas outras áreas de sua vida pessoal.

Todo crescimento neurológico é solidificado através de ações. Decidir adotar uma nova perspectiva é uma coisa, investir em ações físicas derivadas desta perspectiva é que a tornará uma realidade para você.

Ao brincar com a criança com autismo de uma maneira em que a criança participe mentalmente, emocionalmente e fisicamente, um novo crescimento cerebral estará sendo solidificado.

Trecho retirado do site Inspirados pelo Autismo

Nenhum comentário:

Postar um comentário